Notícias

Casa da Mulher Brasileira de Boa Vista (RR) será inaugurada nesta segunda-feira (3)

publicado: 29/11/2018 19h04, última modificação: 03/12/2018 15h19
Casa da Mulher Brasileira de Boa Vista (RR) será inaugurada nesta segunda-feira (3)

Nesta segunda-feira (03), às 16h, será realizada a cerimônia de inauguração da Casa da Mulher Brasileira (CMB) de Boa Vista, em Roraima. O serviço permite a integração de instituições que atuam no processo de enfrentamento à violência contra a mulher e maior humanização no atendimento. A CMB, que foi projetada para atender até 200 pessoas por hora, se trata da principal ação do Programa Mulher, Viver sem Violência, desenvolvido pelo Ministério dos Direitos Humanos (MDH), por meio da Secretaria Nacional de Políticas para Mulheres (SNPM).

A Casa reúne Juizado Especial, Núcleo Especializado da Promotoria, Núcleo Especializado da Defensoria Pública, Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher, alojamento de passagem, brinquedoteca, apoio psicossocial e capacitação para a sua autonomia econômica.

A unidade em Roraima está situada no bairro de São Vicente, em Boa Vista, e representa um investimento de R$ 10,5 milhões do Governo Federal para construção. Soma-se ao montante mais 8 milhões, a título de manutenção, que serão liberados por meio de convênio celebrado entre Governo Federal e Governo Estadual.

“A entrega da Casa da Mulher Brasileira de Boa Vista representa a concretização de uma importante política pública de Estado em prol do enfrentamento à violência. A inauguração da Casa acontece justamente durante os 16 dias de ativismo, momento que conclamamos a todas e todos para refletir e realizar ações para a eliminação da violência contra a mulher”, destaca o ministro dos Direitos Humanos, Gustavo Rocha.

A cerimônia será conduzida pela secretária nacional de Políticas para Mulheres do MDH, Andreza Colatto, e pela governadora de Roraima, Suely Campos. São esperadas ainda autoridades, organismo internacionais como a ONU Mulheres e representantes da sociedade civil.

“A entrega desta casa representa um avanço importante para as mulheres de Roraima. Principalmente neste momento complexo de alta migração”, ressalta Andreza Colatto.

O Governo de Roraima, que é responsável pela administração da Casa, ressalta a importância do equipamento. “A Casa da Mulher Brasileira vem justamente para colaborar no atendimento a essas mulheres que ainda sofrem com isso. Será um centro de atendimento humanizado composto por vários órgãos de ajuda à mulher, como delegacias, Ministério Público, Defensoria Pública, enfim, toda a assistência que a mulher vítima de agressão precisa receber para garantir seu acolhimento humanizado", afirma a governadora Suely Campos.

Dados do Ligue 180

Os dados do Ligue 180 – Central de Atendimento à Mulher indicam que foram registradas 84 denúncias de violência contra a mulher em Roraima no primeiro semestre de 2018, o que representa aumento de 75% no comparativo com o primeiro semestre de 2017.

De acordo com o mapa da violência de 2015, Roraima apresenta o maior número de homicídios de mulheres.

SERVIÇO:
Evento: Inauguração da Casa da Mulher Brasileira
Data: 03 de novembro de 2018 (segunda-feira)
Horário: 16h
Local: R. Uraricuera, S/N, São Vicente – Boa Vista/RR

CONTATOS: Niege Neves (61) 98282-6391 / Simone Cesário (95) 99123-7059

Reportar erro