Notícias

MDH realiza cadastramento dos Conselhos Municipais da Pessoa Idosa

publicado: 07/06/2018 14h58, última modificação: 07/06/2018 14h58

A Secretaria Nacional de Promoção e Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa do Ministério dos Direitos Humanos (SNDPI/MDH) realiza ação de cadastramento dos Conselhos Municipais dos Direitos da Pessoa Idosa, objetivando criar uma base de dados atualizada em âmbito nacional que permita à SNDPI e ao Conselho Nacional da Pessoa Idosa CNDI promoverem mecanismos de comunicação e de participação mais eficazes no relacionamento com os defensores de direitos das Pessoas Idosas em nos municípios.

O cadastro será realizado por meio de um formulário online que deverá ser preenchido pela Secretaria municipal à qual o Conselho estiver vinculado. É de fundamental importância que os Conselhos Estaduais avisem aos municípios sobre a necessidade do cadastramento.

As bases de dados sobre o assunto são oriundas do Censo do Sistema Único de Assistência Social – Censo SUAS 2012, da Pesquisa de Informações Básicas Municipais, desenvolvida pelo IBGE em 2014, além de registros administrativos do próprio Ministério dos Direitos Humanos. Estas bases, coletadas com periodicidades distintas, indicam a existência de cerca de 2800 a 3400 conselhos municipais de direitos da Pessoa Idosa.  “O cadastramento permitirá a qualificação na comunicação com os órgãos de defesa e proteção da Pessoa Idosa”, afirma o secretário nacional da Pessoa Idosa, Rogério Ulson.

Outras informações e orientações podem ser adquiridas pelo correio eletrônico  cadastro.idoso@mdh.gov.br

 

 

Reportar erro
registrado em: