Notícias

Ministra defende pacto contra abuso sexual de crianças e adolescentes

publicado: 13/04/2019 18h13, última modificação: 13/04/2019 18h15
Ministra Damares foi a Aracaju (SE) entregar pessoalmente as chaves dos veículos a prefeitos e representantes. (Foto: Wellington Macedo)

Ministra Damares foi a Aracaju (SE) entregar pessoalmente as chaves dos veículos a prefeitos e representantes. (Foto: Wellington Macedo)

União, estados e municípios devem fazer um novo pacto pelo enfrentamento ao abuso sexual de crianças e adolescentes. A medida foi defendida pela ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, durante cerimônia de entrega de carros e equipamentos a conselhos tutelares do interior sergipano, neste sábado (13), em Aracaju (SE).

“Devemos esquecer as diferenças partidárias e ideológicas em prol desta causa. Especialmente aqui em Sergipe, tão afetado pelo turismo sexual. Precisamos nos unir em favor de nossas crianças para protege-las dos abusadores”, afirmou.

Ela demonstrou preocupação especial com a prostituição infantil nas estradas e adiantou que já articula com órgão de segurança pública federais e dos estados para a apuração de denúncias.

Para a secretária Nacional da Criança e do Adolescente, Petrucia Melo, equipar os conselhos tutelares é fundamental para melhorar a rede de proteção e garantir uma fiscalização mais eficiente, especialmente nas situações em que as crianças estiverem em situação de vulnerabilidade.

“Queremos estreitar esse relacionamento e capacitar os nossos agentes para que a criança que está lá no interior, e que até hoje esteve fora do alcance do Estado, também seja atendida e tenha seus direitos garantidos”, disse.

Equipamentos

Durante a cerimônia, prefeitos e representantes receberam das mãos da ministra as chaves de 26 veículos que serão utilizadas nas diligências e na apuração de denúncias recebidas por conselheiros tutelares.

“O carro é de suma importância. Não dá para levar a criança em situação de vulnerabilidade a pé ou nos braços até uma instituição que garanta o acolhimento. Alguns desses conselhos recebem agora um carro pela primeira vez. Creio que, agora, poderemos melhorar o atendimento a todas essas famílias”, explicou Greicielle Cardoso, coordenadora...

Os kits de equipamentos que serão entregues nas sedes dos conselhos tutelares incluem, cada um, cinco computadores, uma impressora, um refrigerador e um bebedouro. Cerca de R$ 1,6 milhões do orçamento da União, provenientes de emendas parlamentares, foram investidos.

Ao todo, 22 municípios do interior do estado foram contemplados. Até o final do ano, outros 188 em todo o país devem receber os mesmos equipamentos.

Campanha

Ainda durante o evento, que contou com a participação do governador do estado, Belivaldo Chagas Silva, além de prefeitos e conselheiros tutelares, a ministra lembrou que o governo federal lançou campanha pela prevenção ao suicídio e à automutilação de crianças e adolescentes.

E fez um apelo para que pais, professores, conselheiros e demais agentes do Estado estejam atentos aos sinais de violência autoprovocada ou de intenso sofrimento que possam levar as pessoas nesta faixa etária a pensarem em colocar fim à própria vida.

“Não é para agredir, não é para julgar, não é para pensar que isso é feito para chamar a atenção. É para abraçar, amar e acolher. Acolham a vida”, disse ela, em alusão à campanha Acolha a Vida.

Mais informações sobre a campanha estão disponíveis em acolhaavida.mdh.gov.br.

Reportar erro