Notícias

Ministra Damares Alves visita Casa da Mulher Brasileira e defende melhorias no espaço

publicado: 10/01/2019 11h57, última modificação: 10/01/2019 12h39
Ministra Damares Alves visita Casa da Mulher Brasileira e defende melhorias no espaço

Foto: Luiz Alves - Ascom MMFDH

A ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), Damares Alves visitou nesta quinta-feira (10) a Casa da Mulher Brasileira de Brasília, fechada desde abril de 2018 por problemas estruturais. Acompanhada pelo governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha e pela Secretária da Mulher do DF, Ericka Felipelli, a ministra lamentou a interdição do local, ponto importante de atendimento às vítimas de violência.      

“Vim aqui conhecer as estruturas da Casa, parte dela está interditada, o que causa tristeza e até indignação, pois estava fechada há mais de um ano. Vamos ouvir as propostas do governador e analisar o que pode ser feito para manutenção deste espaço importante para o atendimento das mulheres. Estamos apenas no início das conversas para analisarmos o que pode ser feito”, afirmou a ministra.

O Ligue 180, do ministério, que trata de violações contra as mulheres, registrou em 2018 1.185.698  ligações. No ano anterior, 2017, o número alcançado foi de 1.170.580 registros.

A Casa da Mulher Brasileira é um centro de atendimento humanizado e especializado no atendimento à mulher em situação de violência doméstica, reunindo em um mesmo espaço  Juizado Especial; Núcleo Especializado da Promotoria, Núcleo Especializado da Defensoria Pública, Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher, apoio psicossocial, dentre outros.

 

 

Reportar erro
registrado em: