Notícias

Ministra Damares Alves é homenageada durante sessão na Assembleia Legislativa de Sergipe

publicado: 02/05/2019 15h53, última modificação: 03/05/2019 13h22
Ministra Damares Alves é homenageada durante sessão na Assembleia Legislativa de Sergipe

Foto: Wellington Macedo

A ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, recebeu os Títulos de Cidadã Sergipana e Aracajuana na manhã desta quinta-feira (02). A solenidade foi realizada na Assembleia Legislativa do Estado de Sergipe (Alese), ocasião na qual também ocorreu o lançamento da Frente Parlamentar em Defesa da Vida e da Família.

“Agora sou sergipana e aracajuana de fato e de direito. Nada vai tirar minha alegria neste dia tão especial. Quero dizer que onde eu for, vou representar este estado com muito orgulho e dignidade. Nós estamos construindo uma nova nação. Quero agradecer ao presidente da República por idealizar e me nomear no primeiro Ministério das Mulheres”, afirmou.

A titular do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH) destacou, ainda, a importância da pluralidade de pensamentos. “A beleza da democracia é isso. A oposição, os opostos. Mas nós precisamos entender que é essencial a alternância de poderes. Nós estamos lá em Brasília buscando o resgate de valores que estavam perdidos nessa nação, estamos promovendo a defesa da vida e da família”, completou.

Entrega de veículos

Durante o evento e na companhia de representante da Fundação Nacional do Índio (Funai), a ministra recebeu e fez a entrega de dois veículos para a comunidade indígena Xokó, que vive nas aldeias Ilha de São Pedro e Caiçara, no município de Porto da Folha. Ao longo dos séculos a localidade foi discriminada por sua cultura.

Frente

Presidente da Frente Parlamentar em Defesa da Família e da Vida da Assembleia Legislativa de Sergipe, o deputado Rodrigo Valadares (PTB) declarou que o objetivo é tratar de importantes temas em defesa da vida, como aborto, automutilação, suicídio, pedofilia, entre outros. O MMFDH é parceiro da iniciativa.

“Quando nós tivemos o clamor da sociedade para a criação da Frente Parlamentar, procuramos a ministra Damares Alves, que nos recebeu muito bem e nos estimulou a criar essa Frente Parlamentar que hoje está sendo lançada aqui na Assembleia. Basicamente o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos é a nossa principal ponte para que façamos esse trabalho. Além de aqui no Estado de Sergipe contarmos com o Ministério Público Federal, Ministério Público Estadual, Secretaria de Ação Social, Secretaria de Desenvolvimento Humano e Ongs”, enfatizou o parlamentar.

Com informações da Assembleia Legislativa do Estado de Sergipe

Reportar erro