Notícias

Ministra Damares Alves empossa nova secretária nacional de Políticas para Mulheres

publicado: 27/05/2019 12h17, última modificação: 27/05/2019 13h12
Ministra Damares Alves empossa nova secretária nacional de Políticas para Mulheres

Foto: Willian Meira - MMFDH

A cerimônia de posse da nova secretária nacional de Políticas para Mulheres, Cristiane Britto, foi realizada nesta quinta-feira (23). Integrante da estrutura do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), a gestora recebeu a missão de construir e aplicar políticas públicas para mulheres, de forma efetiva.

Empossada pela ministra Damares Alves, a nova titular da Secretaria Nacional de Políticas para Mulheres (SNPM) deverá conduzir os trabalhos priorizando as medidas e programas de enfrentamento à violência contra a mulher, conforme orientação expressa do presidente Jair Bolsonaro.

A SNPM dispõe de três diretorias, voltadas para as áreas de enfrentamento à violência, relações de trabalho, maternidade, saúde da mulher, espaços de poder e decisão, entre outras. A instituição preside, ainda, o Conselho Nacional dos Direitos da Mulher (CNDM).

A Secretaria segue contando com a experiência e habilidades da ex-deputada Rosinha da Adefal, enquanto secretária adjunta.

Perfil da secretária

Cristiane Britto é advogada e possui histórico de trabalho social desde a adolescência, quando solicitava doações para crianças carentes em Salvador/BA. O trabalho seguiu durante a fase de faculdade, em grupos de assistência social. Findada a graduação, Cristiane dedicou-se, por dois anos, à prestação de assistência jurídica gratuita na Defensoria Pública do Distrito Federal, na área de direito de família.

A secretária atuou com protagonismo no caso de grande repercussão nacional, que chocou o país ao relatar o abuso sexual de mais de 100 crianças do interior do Amazonas. Cristiane chegou a sofrer ameaças de morte, mas seguiu com o processo até a completa apuração e prisão do abusador. Foi neste período histórico que Britto intensificou sua relação com os direitos da mulher e conheceu detalhes importantes que fazem parte dos casos de violência sexual cometida contra mulheres e os seus impactos nos núcleos familiares.

Especialista em direito eleitoral, ela é palestrante em cursos de formação política para mulheres, além de fazer parte do grupo de pesquisa que analisa a liderança feminina na política, promovido pelo Instituto Brasiliense de Direito Público (IDP). Sua trajetória como advogada inclui, também, a fundação de duas entidades, a Academia Brasileira de Direito Eleitoral e Político (ABRADEP) e o Instituto de Direito Partidário e Político (PLURIS).

Cristiane assegurou, na ocasião da posse, que irá dedicar atenção especial aos projetos relacionados ao enfrentamento à violência, à participação das mulheres na política e à complexa relação existente entre maternidade e carreira. Ela destacou ainda, a importância das mulheres como base de sustentação das famílias, deixando evidente que a pauta da mulher deve ser defendida pela população como um todo. Em seguida, a gestora destacou que realizará uma gestão estruturada no diálogo e na parceria com a sociedade civil.

Reportar erro