Notícias

Cooperação entre Brasil e União Europeia visa promover políticas públicas para travestis e transexuais

publicado: 19/03/2019 17h23, última modificação: 19/03/2019 17h26
LGBT

Nesta segunda-feira (18), representantes da Diretoria de Promoção de Direitos LGBT, do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), se reuniram com a equipe da delegação da União Europeia. Na pauta, os encaminhamentos para a realização de seminário internacional previsto para junho deste ano, na cidade de São Paulo, por ocasião da Parada do Orgulho LGBT.

Segundo a diretora Marina Reidel, “esta parceria no trabalho já produziu muitas ações que poderão se desdobrar em outros projetos na construção de políticas públicas, principalmente no contexto da empregabilidade e do sistema prisional, focos de trabalho prioritário neste período”.

Histórico

Iniciado em 2017, o projeto “Diálogos Setoriais Brasil União Europeia" contemplou várias etapas e tem como objetivo buscar boas práticas em políticas públicas para travestis e transexuais no contexto da educação, saúde, sistema prisional, empregabilidade e leis em geral.

Por meio do convênio foram contratados dois peritos pesquisadores, um no Brasil e outro na Europa para desenvolvimento da pesquisa, além de viagem técnica aos países sugeridos para conhecer as boas práticas, ocorrida em novembro de 2018.

Reportar erro