Notícias

Nota de Apoio - Igualdade Racial

publicado: 07/01/2020 12h30, última modificação: 07/01/2020 12h30

A menina Ana Luísa Cardoso Silva, de apenas nove anos, foi vítima de racismo enquanto brincava no Parque Ipiranga, em Anápolis/GO. A família estava fazendo um piquenique no local no dia 1° de janeiro e, ao chamar outra criança para brincar de “castelo e princesa”, a menina foi ofendida por uma mulher que afirmou que “não existe princesa preta”.

O Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), por meio da Secretaria Nacional de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (SNPIR), repudia esse crime lamentável cometido contra essa criança. A infância é uma fase extremamente importante na formação do ser humano e o impacto dessa violência pode perdurar por toda uma vida.

Este ministério e esta secretaria nacional são comprometidos com a proteção da infância e com o combate a todo tipo de racismo e intolerância. Prestamos nossa solidariedade e apoio à menina Ana Luísa e à sua família, bem como a todos aqueles que têm sido vítimas do crime de racismo.

Reportar erro